Tag Archives: theories

Escrever? Vem da alma… – Writing? It comes from the soul…

Quantos de nós já ouvimos alguém dizer que até gostaria de escrever, mas… não sabe o quê. Pois é, para um escritor isto não acontece. Porque para quem ama a escrita, escrever vem da alma. É algo que lá está, não precisamos de um tema, ou uma história muito complexa, as palavras brotam para o papel ou para a tela do computador, saídas directamente do coração.

Para mim, é isto que é um escritor. As ideias surgem, uma após a outra e aos poucos algo vai sendo contruído. Um texto, um poema, uma pequena história. E é, muitas vezes a partir destas ideias soltas, que me surge a verdadeira história, aquela que será estudada e organizada para formar um novo livro.

Acredito que é isto que nos torna escritores. Estudar? É bom. Todo o conhecimento é bom, mas o verdadeiro escritor tem algo dentro de si, que faz com que as palavras fluam naturalmente, formando frases bonitas, que constroem histórias que nos fazem sonhar.

É bom conhecer e estudar teorias, praticar as técnicas mais importantes do mundo da literatura, ler muito, pesquisar ainda mais, mas a nossa intuição e amor à escrita fará o principal trabalho. O que escrevemos espontaneamente provém das nossas experiências pessoais e é assim, que surgem as ideias mais originais.

Assim, se ainda estão na fase de dizer “qualquer dia”, quando esse dia, na verdade, parece nunca chegar, está na altura de se sentarem e escreverem. O que vos vier à cabeça. Não esperem pelo momento perfeito, pela inspiração, apenas escrevam.

Proponho um exercício a todos aqueles que sonham ser escritores, ou que já o são: peguem num papel e numa caneta, ou abram uma página em branco no vosso programa de escrita e simplesmente escrevam. O que primeiro vos vier à cabeça, sem censuras nem preocupações. Que tal saiu?


How many times have you heard someone talk about how he or she would like to write, but… don’t know what they’d write about. That’s right, for a write it doesn’t really happen, because for those who love writing, it sort of comes from their soul. There’s something from the inside, we don’t need a theme, or a very clever story, the words just sprout in the paper or in your computer screen… they come directly from your heart.

For me, that is what actually makes a writer. The ideas come up, one after another, and, bit by bit, something is built. A small text, a poem, a short story. And, many a time, from these simple ideas, you come up with a really good story, one which will be thought about regularly and organized, becoming a new book.

I believe that is what makes us writers. Studying? Yes, it’s good. All knowledge is important, yet, the real writer has something inside him, something that makes words flow in a natural manner, creating gorgeous sentences, for stories which make us dream.

It’s good to know, research and study theories, practicing the most important techniques in the literary world, read a lot and research even more, but your intuition and your love for writing will do the main work. What you write spontaneously, come from your personal experiences and that’s the way to reach the best original ideas.

That being said, if you’re still left saying “someday”, when in truth that day seems to never come, it’s time for you to sit down and write. It doesn’t matter what. What it’s about, what will connect it all… Write whatever comes to your mind. Do not wait for the perfect moment or for some sort of inspiration or epiphany, just write.

Actually, I propose an exercise to all of you, writers and writers-to-be: just pick up a pen and paper, or open a blank page on your favorite writing program and just start writing. Write anything. The first thing that comes to your mind, without any kind of censorship or concerns on your mind. Now, what came out? And what will you make of it?

Advertisement